No âmbito da implementação do seu Plano de Desenvolvimento Europeu, o Centro de Inovação Pedagógica (CIP) da Casa do Professor recebeu Thomas Touzet, responsável pelos projetos de internacionalização da Université de Paris (UP). Com esta visita, pretende-se dar a conhecer o trabalho desenvolvido pelo CIP no âmbito dos projetos internacionais Erasmus+, assim como alargar o leque de parcerias internacionais e conhecer o trabalho que realizam ao nível da pesquisa e desenvolvimento a nível internacional.

Thomas Touzet é mestre em Segurança Internacional pela Sciences Po Paris (Instituto de Estudos Políticos), especializado em Estudos Latino-Americanos e Diplomacia e teve a oportunidade de exercer funções na Business France Malásia, na Organização Internacional da Francofonia (OIF) de PARIS e finalmente na Agência Universitária da Francofonia (AUF) no Canadá. Exerce agora funções na Université de Paris, universidade pública de pesquisa que vem representar no âmbito desta visita.

A Casa do Professor encontra-se, atualmente, a coordenar três projetos Erasmus+ KA2 (Parcerias Estratégicas):

(IN)Schooldeveloping skills for Life,
LOOP Scaffolding in Teachers development: Mentoring and Mentors in induction programs;
T-SHIRTTools on Suporting the figHt for Issues of gender Traditionality and disparities.

É, ainda, parceiro em projetos KA3 (Apoio às reformas políticas):

ouRouteCitizen-cultural heritage: Creating a new generation of cultural ambassadors through education and training;
GEM-INGame to EMbrace INtercultural education;
LOOP Empowering teachers personal, professional and social continuous development through innovative peer-induction programmes
PASSAGE Pedagogies of Passing from Reception to Education.

A instituição integra, ainda, consórcios de projetos KA2, tais como:

ENACTT European Network amongst Centres of Teacher Training,
AROSE Advancing and Reassessing Oral Skills for English;
MEGA Make Europe Great Again.

Mais recentemente, a Casa do Professor viu aprovado o seu projeto de tipologia K122 TIP: Technologies to Improve Pedagogies, que permitirá a mobilidade de professores para vários países parceiros, tais como a Lituânia, Itália, Hungria, Roménia, Grécia, França e a Roménia.